Entenda o que é logística reversa e como fazê-la de forma eficiente

Você sabe dizer o que é logística reversa? Trata-se de uma área de atuação concentrada no retorno dos materiais utilizados para o processo produtivo com o intuito de reaproveitamento ou descarte apropriado, tendo em mente a preservação ambiental.

Para as empresas preocupadas com a sustentabilidade econômica e ambiental do negócio, o planejamento produtivo é uma parte fundamental das suas operações. Por isso, é preciso adotar um processo de qualidade que seja capaz de contribuir para a minimização do descarte.

Além de ser uma política desejável em diversos segmentos, ela é prevista pela legislação brasileira. De acordo com a Lei 12.305 do Código Civil, os fabricantes devem se responsabilizar pela destinação final dos resíduos industriais vindos da fabricação dos seus produtos.

Quer saber mais sobre o que é logística reversa? Então confira este artigo que preparamos sobre o assunto! 

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Qual a importância de um processo de logística reversa?

Administrar incorretamente o volume de lixo é altamente prejudicial para o meio ambiente, pois compromete também a qualidade de vida das pessoas e do planeta. Dependendo da qualidade do plano logístico implantado, pode até ser possível minimizar os custos de produção e distribuição graças a ela.

Isso tem um impacto direto na percepção que o mercado tem a respeito da empresa. Envolver-se em políticas relacionadas à preservação ambiental pode ser muito danoso para os seus objetivos de negócios, já que cada vez mais há uma preocupação global centrada nesse assunto.

Essa alternativa se apresenta como uma opção altamente produtiva para a operação logística das empresas. Com ela, é possível ganhar uma vantagem competitiva sobre os players do mercado que não têm esse recurso e agregar mais valor à experiência do consumidor, sem contar o efeito positivo causado ao meio ambiente e a visibilidade da marca graças a isso.

Como implantar a logística reversa corretamente?

Conhecendo a sua importância, é necessário saber também como aplicar essa ideia ao seu plano de negócio de forma correta e sem causar danos. Confira, a seguir, algumas maneiras de realizar isso!

Preveja saídas para resíduos

Como a logística reversa envolve dar um destino aos resíduos gerados pelos seus produtos, a primeira parte desse trabalho deve envolver o mapeamento de planos de ação voltados para eles. Portanto, é fundamental elaborar um Plano de Resíduos Sólidos em que estejam descritos os ciclos de vida dos seus produtos e, assim, detalhar toda a operação de tratamento dos resíduos.

Realize parcerias de qualidade

Obter bons parceiros é uma parte decisiva do sucesso empresarial. Isso também vale para o trabalho com logística reversa. Um exemplo disso é a realização de parcerias com cooperativas e entidades que lidam com catadores de material reciclável. Ao integrar a sua empresa com esses parceiros em uma cadeia reversa, torna-se possível alcançar os benefícios buscados.

Planeje estratégias de reutilização

A reutilização é um dos caminhos possíveis da logística reversa. Afinal, isso envolve dar uma nova utilidade a um produto que já foi usado. Nem todos os itens podem ser reutilizados, mas é sempre importante avaliar as possibilidades do seu produto. Por exemplo, garrafas plásticas são itens altamente úteis e podem ser aplicadas ao mesmo propósito várias vezes.

Saber o que é logística reversa envolve pensar no que acontece com o seu produto após o descarte pelo seu cliente. Não encare esse trabalho como uma obrigação, mas como um diferencial competitivo bastante atrativo para a sua empresa. A atenção ao aspecto ambiental, pode ser uma vantagem no mercado, além de contribuir com a sua responsabilidade social.

Fique por dentro de mais informações relevantes sobre logística para a sua empresa. Basta cadastrar o seu e-mail e assinar a nossa newsletter!