Gestão de estoques logísticos. Descubra como conseguir!

Gestão de estoques logísticos

A gestão de estoques é um assunto de suma importância para qualquer empresa ou indústria. Problemas nessa área podem incorrer em dificuldades no seu dia a dia, impedindo que seus produtos sejam entregues de maneira adequada, que os prazos sejam cumpridos ou até que você ofereça uma boa experiência de consumo aos seus clientes (com graves prejuízos financeiros ao seu negócio).

Se você tem tido dificuldades na gestão de estoques logísticos, ou deseja tornar essa área ainda mais eficiente, continue a leitura e veja as dicas e informações importantes que separamos para você.

Por que eu devo me preocupar como a gestão de estoques logísticos?

Não importa o ramo da empresa ou indústria, nem seu tamanho e porte ou ainda se funciona como loja física ou e-commerce:  o que todos esses negócios têm em comum é a necessidade de apresentarem uma ótima gestão de estoques.

Se você não sabe quantos produtos têm, por exemplo, pode acabar vendendo itens a mais do que pode suprir, ou ainda contando com determinadas matérias-primas para a sua produção, sem que essas existam no seu estoque.

Muitos dos problemas financeiros e administrativos das empresas são causados justamente por dificuldades na hora de gerirem seus estoques, com métodos arcaicos e manuais, que nem sempre podem ser confiáveis.

Ainda não tem certeza se a gestão do seu estoque é um ponto assim tão crucial para o seu negócio? Pois saiba que investir em métodos para torná-la mais eficiente poderá trazer inúmeras vantagens como:

  • oferecer mais informações sobre suas vendas;
  • fazer uma previsão da demanda dos consumidores que seja mais precisa e real;
  • com a previsão, você poderá criar estimativas mais reais dos pedidos feitos aos fornecedores (aumentando o seu poder de negociação e reduzindo suas perdas financeiras);
  • otimizar o seu investimento e melhorar a vida financeira do seu negócio;
  • oferecer uma experiência de consumo diferenciada aos seus clientes.

Como melhorar a gestão do meu estoque?

Já está convencido de que investir na gestão do seu estoque é uma medida importante para a sua empresa? Pois saiba que existem algumas dicas importantes e capazes de lhe ajudar nesse desafio. Confira.

Registre a movimentação

Não tem como ter uma boa gestão de estoques logísticos sem controle. E isso significa ter um cadastro completo de todos os itens do seu estoque, com informações completas, como código e descrição de cada item, data de aquisição e de venda, preço de aquisição e de venda, entre outros.

Assim, cada vez que um produto der entrada no seu armazém, é preciso modificar o status do seu estoque, bem como quando ele for vendido, movido de lugar ou qualquer outra ação sobre o item. Sem documentar essas alterações é praticamente impossível que você tenha uma boa gestão de estoque.

Confira todos os seus registros rotineiramente

Não adianta apenas controlar, é preciso conferir se o controle está sendo feito de maneira adequada, antevendo erros e possíveis problemas. Uma boa dica é usar o sistema de “inventário rotativo”, no qual o próprio sistema escolhe automaticamente e diariamente um dos itens para ser checado, podendo detectar possíveis erros antes que eles se tornem problemas concretos.

Atente-se ao layout do seu estoque

A organização dentro do seu estoque é um ponto fundamental para que ele tenha mais autonomia e agilidade, permitindo que qualquer item seja encontrado rapidamente e com facilidade pelos seus funcionários.

Um exemplo bem simples é sempre deixar os itens com maior volume de saída na altura dos olhos, facilitando que seus funcionários consigam encontrá-los e manuseá-los. Além disso, quanto mais próximo eles estiverem das áreas de embalagem e de expedição, melhor, tornando todo o seu processo muito mais eficiente.

Existem vários estudos e métodos para definir o layout do estoque, sendo sempre importante que você entenda as suas características e necessidades de modo a definir o que funcione melhor para a sua empresa.

Crie processos claros e envolva a sua equipe

Ter processos claros e bem definidos ajuda na hora de incorporá-los a sua rotina. Isso significa, por exemplo, todas as vezes que uma venda é realizada, o funcionário responsável deverá dar baixa no produto no estoque, atualizando as planilhas em questão – e assim por diante.

Quanto mais claros e simples forem os seus processos, mais fáceis de eles serem assimilados e de se tornarem funcionais nas rotinas dos seus times. Além disso, é claro, não se esqueça de envolver os seus colaboradores, ressaltando a importância desses passos para o bom gerenciamento do estoque e do próprio negócio em si.
Se você pensa em modificar o sistema de gestão do seu estoque, por exemplo, lembre-se de treinar seus funcionários para que eles saibam usar a nova ferramenta, sempre se atentando para o fato de ela ser funcional no dia a dia.

Mapeie e integre toda a sua operação

Um bom controle de estoque vai muito além do que simplesmente saber o que tem no seu armazém. Ele é capaz de oferecer uma vasta quantidade de informações sobre o seu negócio, como taxa de vendas e de compras, itens com maior e menor procura, produtos próximos da data de vencimento, etc.

Assim, uma boa gestão de estoques é aquela capaz de ser integrada à gestão do seu negócio como um todo, oferecendo informações essenciais para a tomada de decisões de diversos setores, como compras, vendas e marketing.

Invista em um software específico para gestão de estoques

Como você pode notar, uma gestão eficiente de estoques deverá se atentar a vários pontos – que nem sempre são fáceis de serem controlados manualmente. As planilhas em Excel, além de serem difíceis de lidarem no dia a dia, ainda apresentam outros problemas como:

  • alta possibilidade de falha humana;
  • não estão interligadas com os vários setores;
  • alguns funcionários podem estar trabalhando com versões desatualizadas das planilhas;
  • necessitam de um grande número de funcionários para realizarem as operações no estoque;
  • não oferecem informações para a sua gestão de maneira mais completa.

Com um software específico, todos esses problemas são resolvidos, trazendo mais agilidade as suas atividades diárias e muito mais informações para a sua gestão. Assim, automaticamente, por exemplo, quando um item é vendido, ele já é retirado do estoque, impedindo que um erro humano torne a sua gestão ineficiente.

Além disso, esses sistemas são capazes de oferecerem uma variedade de informações em forma de relatórios que ajudam o gestor na tomada de decisões – e ainda podem ser integrados com outros setores do seu negócio, reduzindo suas perdas e tornando a sua empresa bem mais eficiente.

Um software específico para a área de estoque permite que, automaticamente, todas as transações e movimentações no seu estoque sejam computadas, evitando perdas e erros humanos que podem colocar em risco a segurança das suas informações.