Averbação do seguro de transporte de carga? Entenda como funciona!

As cargas são um importante recurso da sua empresa. Porém, elas estão sujeitas a uma série de riscos durante o momento de transporte, incluindo roubos, danos devido a acidentes, entre muitos outros.

É aí que entra o seguro de transporte de cargas como um processo importante. É ele que garante que a sua companhia será ressarcida por qualquer sinistro que ocorra com a carga durante o transporte. Nesse momento, a averbação é um dos passos importantes para que o seguro seja feito de maneira correta.

Mas você sabe do que se trata esse processo? Quer entender como ele funciona e a melhor forma de realizá-lo? Então leia este artigo e descubra agora! 

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Afinal, o que é a averbação do seguro de transporte de carga?

Ao transportar cargas pelo país, é possível realizar dois tipos de seguro. O primeiro deles consiste em uma apólice para um único transporte de determinada carga. Já o outro se refere a uma apólice única que inclui uma série de deslocamentos. É nesse segundo caso que entra a necessidade da averbação.

Ela consiste no ato de passar para a seguradora todos os detalhes relacionados ao deslocamento de determinada carga. Isso significa que, sempre que for realizado um pedido que faz parte dessa apólice, é preciso passar para a seguradora todas as informações do frete. Esse é o processo chamado de averbação do seguro de transporte de cargas.

Como deve ser feita a averbação do seguro de transporte de carga?

Esse procedimento é uma exigência legal para garantir que a sua carga estará protegida durante a viagem. Porém, para ter validade, há algumas exigências por parte dos órgãos federais e das seguradoras.

Em primeiro lugar, ela pode ser feita de forma manual ou eletrônica. No primeiro caso, é necessário entrar no site da seguradora e preencher planilhas e formulários destinados para essa finalidade.

Já na forma eletrônica, utiliza-se um software específico para emitir o documento a partir dos dados enviados para emitir o CT-e MDF-e. Esse software, além de gerar o arquivo em XML, ainda deve se integrar ao software das seguradoras para finalizar o procedimento.

Além do mais, é importante ressaltar que esse assentamento deve sempre ser feito antes do início do transporte da carga. Somente assim é possível garantir que haverá o estorno do sinistro.

Qual a importância da averbação do seguro de transporte de carga?

O processo de averbação do seguro de transporte de carga é essencial para a segurança e a saúde financeira da transportadora. Ele é uma exigência legal, dessa forma, apenas assim será possível garantir efetivamente que haverá a restituição, se necessário.

Portanto, realizá-lo é essencial para o sucesso de sua empresa. Afinal, caso aconteça algum tipo de sinistro, o negócio estará seguro que não sofrerá perdas financeiras que poderiam comprometer a sua longevidade como um todo. Além disso, é possível oferecer tranquilidade e segurança para os responsáveis pela logística, melhorando também o trabalho dessa equipe.

A averbação do seguro de transporte de carga é essencial na hora de contratar esse tipo de serviço. Contudo, para garantir a qualidade do serviço e a segurança das cargas, é essencial realizar pesquisas profundas antes de fechar o contrato com uma seguradora, escolhendo aquela que melhor se adequa às necessidades da sua empresa.

Gostou deste artigo? Ficou com alguma dúvida? Quer deixar um relato ou sugestão? Então aproveite o espaço abaixo e deixe um comentário!